06 maio 2015

Happy Hour é tudo de bom!! Happy Hour a ajudar alguém que precisa é melhor ainda!!

Apesar de vizinhos, o Boris não faz ideia quem eu sou e eu não sabia quem ele era, até saber desta triste notícia através de familiares:

O pai do Boris mudou-se para África do Sul há uns anos. No dia 18 de Março, assaltaram-lhe a casa e agrediram-no de forma violentíssima na cabeça. O senhor está no hospital desde essa data, a recuperar lentamente. Há um seguro, mas que ainda estava no período de carência, pelo que as despesas - que, assim, terão que ser suportadas por estes - ascendem já a cerca de € 43.000,00. 

O Boris deixou trabalho e família e está há um mês e meio junto do pai. Agora que este estabilizou, já está em condições de o trazer para Portugal. O problema é que, às despesas já mencionadas, acrescerão cerca de € 40.000,00 do voo e condições necessárias para o seu transporte para cá...

O testemunho do Boris no Agora Nós foi tão emocionante como a fotografia ilustra: 




Ao ver o seu desespero por não conseguir pagar as contas para trazer o seu pai de volta a Portugal, os seus amigos uniram-se e criaram a página de Facebook O Boris precisa da nossa ajuda., com a qual já conseguiram angariar um montante bastante razoável, mas que está longe de chegar para o efeito pretendido...


De forma a ajudar o Boris a trazer o pai para Portugal, hoje, entre as 17h00 e as 20h00, vai haver Happy Hour de angariação de fundos nos restaurantes La Contessa - Carpaccio House, Dom Diniz | Goncalo Maria Bello Diniz e o Moules&Gin | Moules & Co em Cascais. 


Volto a dizer que não conheço o Boris. Posso, no entanto, afirmar que, desde os meus familiares a totais desconhecidos, passando pelos seus amigos, não há pessoa que não enalteça as suas virtudes e não o refira como muito boa pessoa!!


Happy Hour sabe sempre sempre! Happy Hour a ajudar uma pessoa que precisa e que sempre ajudou os outros sabe ainda melhor!!


Quem quiser ajudar através de transferência bancária, fica aqui ficam os dados:

IBAN: PT50 0010 0000 3776 3400 0018 5

BIC: BBPIPTPL

Hoje por ele, amanhã por nós!!


sol.

*Foto: Facebook





04 maio 2015

Ajudem os nossos portugueses a ajudar o Nepal!!

Há pessoas de quem gostamos muito, mesmo não estando com elas há muito tempo. O Lourenço é uma dessas pessoas. Não sabia propriamente explicar porquê, mas agora, a explicação tornou-se óbvia!!

De uma forma resumida: o Lourenço e um amigo andavam em viagem quando foram apanhados pelo sismo em Katmandu, no Nepal. Resistiram ao sismo e, como bons portugueses que são (o nosso povo pode ter muitos defeitos, mas nisto somos ímpares!!), ficaram por lá a ajudar! Agora precisam da ajuda de todos!! 

O resto, o Lourenço explica melhor que eu:

"Para a Família, amigos, amigos de amigos, conhecidos, amigos de conhecidos, restantes portugueses e a todos os que apoiam esta causa.

O apoio que temos recebido tem sido incrível e incondicional. tem crescido de dia para dia, mensagens motivacionais e donativos. Hoje também chegou a Mariana para nos ajudar e mais vêm a caminho. Tudo isto dá-nos força para continuar e fazer melhor. Obrigado pela confiança depositada.
Confiança que se transforma em responsabilidade. Queremos corresponder às expectativas e porque não tentar superá-las? Este é o nosso mote.

(...)

Cada € é valioso - 1 € é equivalente a quase 4kg de arroz no Nepal. O que se traduz em 16 refeições para uma família de 4 pessoas (considerando  gramas por refeição). Cada sorriso faz querer ir mais longe... o sonho é ajudar a reconstruir uma Escola. São os sonhos que comandam a vida. E enquanto há vida há esperança... Já fomos longe... porque não ir mais?

Obrigado Portugal, nós também somos Nepal.

NIB
003300000098021915378

IBAN
PT5000330000098021915378

Swift Code
BCOMPTPL"


TODOS A AJUDAR E A PARTILHAR!!

Obrigada Lory!! E obrigada Pedro!! Só podem ser especiais, para Deus vos ter colocado aí nessa altura!

sol.

*Foto: Facebook Lourenço

24 abril 2015

Não faz mal admitir que... #1#

Como sou mãe e falo com mães regularmente, resolvi fazer uma série de posts sobre algumas questões que nós, mães, muitas vezes temos pudor (diria) em assumir, mas que, na verdade não têm mal nenhum, até porque não há mães perfeitas ou a haver são muito poucas (eu não conheço!)... Aliás, se calhar até há muitas mães perfeitas, se partirmos do principio que a Mãe perfeita é aquela que faz tudo o que acha ser o melhor para o(s) filho(s)!
 
Nesta primeira série de posts, sem periodicidade ou seguimento, falo-vos da gravidez. Porque não faz mal admitir que... Odiei estar grávida.

Eu simplesmente não gostei nada... Sempre quis ser mãe, pelo menos desde que me lembro enquanto pessoa, mas não me dei bem com a gravidez.

9 meses de pânico. Será que esta tudo bem? Semanas infindáveis de um peso extra com tal pressão na barriga que era um incomodo constante! Pontapés que magoavam e falta de pontapés que levava a inquirir se estava tudo bem! Consultas que nunca mais acabavam  e mil análises com medo de agulhas, ecos muito giras a ver mãos e cabeça (quando se consegue perceber), mas pejadas de medos e com um enorme alivio final, diabetes gestacional e, como tal, fome!!!

Se valeu a pena? Claro! Se o meu filho é a coisa mais importante da minha vida? Sem duvida! Se para o ter voltaria a passar por tudo? Óbvio! Se o estado para mim foi de graça? Ele ter nascido foi, a gravidez foi mais estado de desgraça!



Bem sei que há quem passe muito bem e adore... Ainda bem! Não foi o meu caso e admito, porque sou humana: Odiei estar grávida!


23 abril 2015

Qualquer semelhança não é pura coincidência, é falta de ética!!

Já são demasiadas as histórias de roubo de ideias.. e todas a ferir o meu amor pelos seus criadores intelectuais!!

A história da empresa de bricolage cujo nome começa por "i", tem três letrinhas apenas e que era "Easy" na ideia original já foi há longos anos e não me lembro tão bem como gostaria para vos explicar, mas também é aquela que - não sendo, de modo algum, perdoável - teria mais desculpa pela parca força da marca em si.

Mas houve outras duas que acompanhei quase na primeira pessoa porque se passaram com a Dó. Uma de um canal de televisão de desporto começado por "s" e outra de uma companhia de aviação portuguesa conhecida pelas greves começada por "t".

Na primeira pediram à Dó uma proposta de evento para um Encontro de Quadros diferente. Referiram que tinham agência, mas que queriam mudar, pois a criatividade não era muita e os eventos sempre iguais. Depois de uma semana a procurar soluções para o tal evento, a Dó enviou uma proposta. Mais tarde ligaram-lhe de uma das quintas que tinha consultado para o evento a avisar que essa mesma empresa ia realizar o evento nos mesmíssimos termos propostos pela Dó, mas recorrendo à agência de sempre.

Na segunda, a Dó apresentou uma ideia inovadora sua ao Vice-Presidente da companhia de aviação começada por "t" em meados do ano passado. Este gostou da ideia, mas referiu que seria de difícil implementação. Depois deixou de responder aos e-mails. A dificuldade foi tal que uma ideia praticamente igual foi concebida em menos de seis meses e implementada logo no início deste ano.

Agora, a mini: em Outubro de 2014, um amigo - conhecido por ideias originais e eventos despropositados (com tudo o que de bom tem esta expressão!) - apresentou esta ideia à CITRÖEN e à mini. A primeira gostou da ideia e concretizou-a:


A mini nunca respondeu. Mas agora fez este vídeo:



Original, não é?!

sol.


P.S. Algumas marcas são mencionadas pelas suas iniciais a pedido dos intervenientes.
P.P.S. As marcas não mencionadas pelas iniciais estão propositadamente em minúsculas.. é que são pequeninas, pequeninas!!

*Vídeos: Youtube

22 abril 2015

Os segredos do batom


Desta vez, o que vos trago são perguntas. E sobre quê? Como usar batom! O batom voltou em força nos últimos anos, mas eu confesso que nunca consegui ser utilizadora assidua e preciso das vossas dicas, leitoras giríssimas deste simples blog. E como não quero deixar os homens de fora, convido-os a opinar também, o que acham vocês de mulheres com batom?

Ora então, a minha rotina matinal implica sair de casa de cara lavada e ir aplicando maquilhagem nos semáforos tintos que me apanham. Corrector de olheiras: check! Blush: check! Rímel: check! Batom: check! Estaciono e antes de sair do carro deito um último olho ao espelho, estou pronta para começar o dia.

Já no escritório, tiro um café. Quando acabo de o beber vejo que a chávena tem os meus lábios marcados a rosa... Amanhã em vez de chávena de vidro uso copo de papel, ao menos assim vai para o lixo. Será que ainda tenho batom ou ficou todo na chávena? Pior, será que estou com o batom "às manchas"? Grrrr... começa bem... Não me vou levantar para ir ao espelho ver.

À hora de almoço lá se vai o resto no copo de água, mas tudo bem, depois vou à casa de banho e aproveito para retocar. Volto do almoço novamente impecável. Será que vou ficar assim muito tempo? Pelo menos até à hora do lanche, se não  for bebendo àgua nos entretantos. Ahahaha! Enfim...

Qual é o segredo? Olhar para o espelho de meia em meia hora? Há algum batom milagroso que dure efectivamente as horas que apregoa?

Mi. (em modo batom retocado!)

20 abril 2015

Uma correria pela saúde, pela Estefânia!

Sou mãe! Preocupo-me com o meu filho acima de tudo! Preocupo-me com a sua saúde em primeiro lugar.

Recorri uma vez à Estefânia por indicação do pediatra. Não era nada, afinal! Ainda bem.
Mas conheci uma equipa fantástica. Atenciosa, preocupada e muito, muito, mas muito competente. 
Vi um hospital antigo, pouco moderno, mas nem reparei bem nas paredes... Interessou-me o cuidado a confiança o sentimento de que ali tudo correria bem... E correu!

Agora é a correr que nós mães, aliás nós pais, nos devemos juntar para salvar o hospital que tantas e tantas crianças tratou... Salvou!

Contra o fecho da Estefânia e a favor da manutenção dos melhores cuidados de saúde para os nossos mais que tudo... Uma correria! Uma corrida no dia 3 de Maio!

As inscrições podem ser feitas aqui e os lucros revertem para a Associação Alfa 1 de Portugal, onde aliás também pode ser feita a inscrição.

Quem corre pela saúde?
Dó.


16 abril 2015

Fred - a (not so) fresh friend - hoje no Copenhagen, Cais do Sodré




O Fred é fresh!

O Fred é friend!

O Fred tem friends - alguns deles muito cool! ;)

A sol. gosta muito do Fred!

E hoje o Fred e alguns amigos cool vão estar no Copenhagen (Cais do Sodré) a dar música soul a quem a quiser receber, a partir das 23h30. Mais informações em Fresh Fred and Friends.


(de volta, um pequeno raio de)
sol.

*Foto: Facebook

Van Gogh(s) a preto e branco, um arco-iris imperdível no Teatro São Luiz!

Ontem fui com a Sol ao teatro, mais precisamente à no Estúdio Mário Viegas do Teatro São Luiz. Ver o quê? Uma peça sobre os irmãos Van Gogh. A peça não esteve muitos dias em cena e só poderá ser vista até sábado (inclusive). No entanto penso que deveria haver um qualquer abaixo assinado para que seja reposta mal acabe. Merece!

Quase a preto e branco, ou pelo menos em tons muito suaves (assim são o cenário, os figurinos - do José António Tentente - e até a luz), a vida do génio (ou dos génios - já que Theo, o irmão de Vincent Van Gogh, foi o único que desde sempre percebeu a sua obra) é apresentada em 60m. 1 hora que descreve as cores da arte, as cores de Van Gogh. Uma paleta cromática que visualizamos nas palavras proferidas pelo actor e no trabalho desenvolvido através da dramaturgia e encenação de Teresa Faria.

Sérgio Praia encarna, brilhantemente, neste monólogo a pele dos 2 irmãos. Salta entre episódios da vida de um ou de outro, ligados através da arte ou da loucura e, acima de tudo, pelos laços de sangue. Uma vida triste, louca, sem reconhecimento. Uma existência apresentada num texto tão bem conseguido que não angustia, pelo contrário, dá-nos momentos de alívio e até de risos disfarçados. Um texto forte e ao mesmo tempo leve que interpreta a visão, a ambição, a (des)ventura de um dos maiores nomes da pintura mundial e do seu irmão.

São 60 minutos a olhar para um actor que sozinho que enche a sala conseguindo fazer com que nunca, por nunca, olhemos para o relógio ou tremamos a perna em sinal de tédio. Pelo contrário. É chegar ao fim e pensar "Já acabou? Tenho de ver outra vez!"

E se eu tenho de ver outra vez, não duvidem que devem ver pelo menos uma! Atenção que é só até sábado.

Será que ainda nos vemos lá?


P.S: Mais infos aqui: http://www.teatrosaoluiz.pt/catalogo/detalhes_produto.php?id=515


Teoria da produtividade




Quanto melhor te tratam, mais produtivo és!

Felizmente os empresários portugueses já começam a seguir o exemplo de empresas como a Google, Apple ou Spotify... Adoro o meu escritório, só falta massagista! ;)



Mi





*foto: escritório da Google (no google imagens)

11 abril 2015

Oh Stan so good you're back!

Oh Stan my Stan!!! Estou tão apaixonada... A tua pele é suave e branca imaculada (por enquanto, pelo menos), a tua personalidade clássica, mas com um toque moderno, levas-me a todo o lado (ou quase todo) sem nunca te queixares e, no entanto, não perdes o teu lado irreverente!

Oh Stan, oh Stan... Oh Stan Smith you're back...

Pois é... a Adidas relançou há uns tempos os clássicos Stan Smith, mas se pensam que só existem em verde, encarnado e azul, pensem outra vez. Na Adidas online USA podem ser personalizados...

Eu comprei uns "animal print" (modelo não personalizado) com a parte de trás em zebra... Digam-me se não são lindos... Deixo-vos com a imagem dos meus Stan e de alguns outfit com que este tipo de ténis resultam ;)

Like it?

Dó.